quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

ECONOMIA: Superávit milionário para vários estados da Alemanha

ECONOMIA: Superávit milionário para vários estados da Alemanha


Os estados alemães avançam para a consolidação fiscal. No ano passado, sete dos dezesseis estados contabilizaram um balanço positivo. Assim, desprende-se dos dados da evolução orçamentária de cada região em 2012, publicados pelo Ministério de Finanças.

De acordo com esses dados, no total, os estados gastaram apenas 5.600 milhões a mais do que receberam. Com isso, a lacuna orçamentária foi reduzida em 3.700 milhões de euros, em comparação com 2011. Os planos orçamentários previam um déficit de 14.800 milhões de euros.

A Baviera registrou o maior superávit de todos os estados, com cerca de 1.400 milhões de euros. Saldos positivos também foram contabilizados pela Saxônia, com 1.250 milhões de euros; pelo endividado estado de Berlim, com 626 milhões de euros; pela Turíngia, com 346 milhões de euros; por Mecklemburgo-Pomerânia Ocidental, com 163 milhões de euros; e por Bade-Vurtemberga, com 65,7 milhões de euros.

Os outros nove estados começaram o ano com números vermelhos. Renânia do Norte-Vestefália foi o maior deficitário com 3.560 milhões de euros. Hesse também teve que suportar um déficit de 1.640 milhões de euros e junto à Baviera, opõe-se ao ajuste financeiro interestatal que existe atualmente na Alemanha. Além de Hesse e da Baviera, Bade-Vurtemberga também contribuiu no ano passado para o tal ajuste financeiro, na qualidade de estado doador, assim como Hamburgo, ainda que em menor medida. Berlim e Saxônia, que em 2012 registraram um acréscimo, são os maiores beneficiários da compensação financeira interestatal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.